Insegurança

28 de maio de 2011

Existem poucos sentimentos paralisantes, cruéis e angustiantes. A incerteza (insegurança), com certeza, é um deles!

Quantos sentimentos são derivados da insegurança? O ciúmes, que talvez seja o sentimento mais cruel, certamente é filho dessa. Não sentimos ciúmes quando não estamos inseguros!

Sabe aquela sensação que corrói, que mutila seu corpo, que toma seu tempo? Aquela que domina seus pensamentos e abala tudo que você mais acredita? Pronto! É disse que estou falando!

A pior coisa é lidar com a incerteza. Com a sensação de impotência.

Quantas vezes queremos fazer algo, queremos mudar algo, mas não temos fôlego ou forças para que nossas vontades se concretizem?

Em algum momento você se dá conta que, por mais que você tente, por mais que você queira, já não depende mais de você e você fracassará!

O que normalmente digo pra mim nestes momentos é: calma, menino, ainda pode ficar um pouco pior! 😉

E sempre fica! E fica, e fica… Mas passa! De um jeito ou de outro passa!

Depois de um tempo fico bem. A sensação passa momentaneamente e pode voltar sem avjsk prévio!

Não me preparo, nem tem como. Acho que o melhor é aprender a lidar com estes momentos e tirar proveito de tudo!

Como diz o velho ditado, se a vida lhe der um limão, faça uma limonada! rs

O mais triste é constatar que você NÃO É NADA, NÃO SIGNIFICA NADA…

Anúncios