Porto Solidão

27 de julho de 2012

É interessante notar o quanto temos nos afastado das pessoas com o advento das redes sociais. Estamos juntos e isolados ao mesmo tempo. A completa conexão nos afasta das pessoas próximas e nos aproxima das distantes. Estranho paradoxo!

Tenho mais de 300 amigos no facebook, mas tenho laços de amigo com pouquíssimos destes. E se fizer uma análise um pouco mais crítica, é capaz de não haver um único laço de verdade.

Não estou dizendo com isto que não tenha pessoas em quem confio, que confiam em mim ou que me agrada estar junto. Mas estou reforçando o fato de que mesmo existindo pessoas assim e elas estarem no meu círculo/grupo de amigos das redes sociais, há uma certa distância, um certo afastamento natural provocado, em parte, pelas redes sociais.

Recentemente, li um artigo em algum site da internet que falava exatamente sobre este assunto. O quanto ficamos juntos, conectados e interagindo, mas estamos cada um em seu quarto. A velha atividade de sair no início da noite e ir para a praça conversar com os amigos da escola ou do bairro, praticamente, não existe mais. Os convites para eventos (festas de aniversário, formatura, casamento e etc.) são feitos criando-se um grupo no facebook e adicionando os interessados…

Uma amiga ou colega de trabalho, como preferirem, contou-me o caso de um amigo que estava em outro país. Eles mantinham contato diário no período de estadia deste rapaz no exterior, porém quando este retornou para Salvador, o contato diário foi exterminado e não houve encontros físicos. Mais um exemplo claro do relatado anteriormente: temos mais contato com quem está distante.

Recentemente, tenho sentido uma solidão inexplicável (será?) ao acessar minhas redes sociais, pois tenho a impressão de ter 300 “expectadores”, mas nenhum “ouvinte”. É como se minhas palavras perdessem o som assim que saíssem da minha boca ou desbotassem assim que saíssem de meus dedos…

Gosto do ditado: Antes só que mal acompanhado. Em contrapartida, não gosto da sensação de estar só e sozinho!

Anúncios